quarta-feira, 22 de maio de 2013

20 Alimentos que Auxiliam na Imunidade

Vamos citar 20 alimentos que podem auxiliar na imunidade. Entretanto, vale lembrar que se a sua imunidade estiver muito baixa em decorrência do tratamento quimioterápico, você deve ter alguns cuidados especiais. Por exemplo, vale a atenção redobrada na hora de higienizar alguns alimentos e nem todos alimentos crus são liberados. Antes de consumí-los, converse com seu médico e/ou nutricionista especializado.
Açai: Considerado como um super alimento, o açai é rico em antioxidantes. Pode ser consumido na forma de sucos, cremes.
Alho: Rico em antioxidantes, que auxiliam na imunidade. Dica culinária: Descasque, pique e deixe o alho descansar por 15 minutos antes de utilizá-lo na comida, isso ajuda a melhorar sua biodisponibilidade em nosso organismo.
Amêndoas: 4 unidades é capaz de proteger seu sistema imunológico dos efeitos do estresse. Já supre 50% das necessidades de vitamina E recomendada. Além disso, possuem Riboflavina e Niacina, vitaminas do Complexo B, que ajudam no efeito do estresse.
Batata doce: Como a cenoura, a batata doce possui beta-caroteno, um antioxidante que ajuda a liberar os radicais livres. 
Brócolis: Ajudam a melhorar o sistem imunológico, possuem nutrientes que protegem o corpo contra alguns danos. Também é rico em vitaminas A, C e glutationa. Experimente consumir brócolis com queijos magros, e assim obter um prato em vitaminas B e D.
Castanha do Pará: Rica no mineral selênio, que melhora o sistema imunológico e auxilia na cicatrização. Consuma de 1 a 2 por dia.
Cebola:  São ricas em Quercitina, que é um potencializador da função imune, prevenindo doenças virais e alérgicas. Use sempre em temperos ou crua na salada.
Chá verde: Possuem polifenóis e flavonóides, que ajudam a combater diversas doenças. Estes antioxidantes procuram os radicais livres que danificam as células e as destroem.
Cogumelos: São ricos em antioxidantes e em selênio, que ajudam a evitar gripes. Os champignons, além de serem ricos em vitaminas do Complexo B, que ajudam a aumentar a imunidade do corpo, também tem efeitos antivirais, antibacterianos e antitumorais.
Espinafre: Considerado um "Super Alimento", o espinafre é rico em nutrientes, como ácido fólico, que ajuda o corpo a produzir novas células e reparar o DNA, além de possuir fibras, antioxidantes, vitamina C, entre outros benefícios. Coma espinafre crus ou levemente cozidos para obter o máximo de benefícios deste alimento.
Gengibre:  O gengibre auxilia nas defesa do organismo porque possui importante ação bactericida, além de boas doses de vitamina B6 e C. Pode ser adicionado no suco (1 colher de sopa de gengibre ralado, duas vezes por dia) ou servir para fazer chá (2 colheres de sopa de gengibre fresco para 1 litro de água). O gengibre também ajuda a controlar as náuseas decorrentes da quimioterapia.
Gérmen de trigo: O gérmen do trigo é a parte do trigo que tem mais nutrientes. Além de zinco, antioxidantes, vitaminas do Complexo B entre outras vitaminas e minerais essenciais. O gérmen de trigo também oferece proteínas, fibras e gorduras boas. Procure substituir parte da farinha em receitas do dia a dia por gérmen de trigo.
Melancia: Hidratante e refrescante, a melancia também possui um potente antioxidante: a glutationa. Conhecida como grande aliada para fortalecer o sistema imunológico para que este possa combater diversas infecções, a glutationa é encontrada na parte vermelha da fruta, perto da casca.
Repolho: Outra fonte de glutationa. Além de barato, o repolho é facilmente encontrado. Experimente adicionar repolho em sopas e outros pratos para aumentar o valor nutricional de sua refeição.
Tomate: Rico em licopeno, o tomate é forte aliado ao combate de radicais livres.
Frutas cítricas: São ricas em Vitamina C que tem ação antioxidante e melhora os efeitos da vitamina E, regenerando suas fórmulas de ação quando ocorrem formações de radicais livres. Têm efeitos benéficos principalmente em infecções respiratórias e nas gripes.
Pimenta: A pimenta é fonte de betacaroteno, substância que se transforma em Vitamina A, nutriente que protege o organismo contra infecções.
Levedo de Cerveja: Rico em Vitamina B6, que melhora a imunidade geral do organismo. 
Probióticos: São bactérias benéficas contidas no iogurte, leite fermentado ou vendidas na forma de suplementos, que reforçam o sistema imune.
Vegetais Verdes Escuros:  Brócolis, couve, couve de Bruxelas, rúcula e espinafre são fontes importantes de ácido fólico e vitaminas A, B6 e B12, que possuem papel na maturação das células imunes, ajudando na resistência às infecções. Estes alimentos também são ricos em ácido fólico, nutriente que participa da formação de glóbulos brancos, responsáveis pela defesa do organismo.
Pólen de abelha: isso porque ele apresenta uma riqueza de nutrientes (cerca de 22) a destacar a grande quantidade de aminoácidos presentes, cerca de 20% da sua composição, além de várias vitaminas e minerais, tais como vitaminas do complexo B (B1, B2, B3, B6, ácido fólico, B12), vitamina A, rutina, cálcio, cobre, magnésio e manganês. Por sua riqueza nutricional, o pólen exerce diversas funções, como aumento da imunidade por estimular a produção de linfócitos (as nossas células de defesa).

Para adquirir os benefícios destes alimentos, o consumo deve ser a longo prazo e devem fazer parte de uma alimentação balanceada.



 Elaborado por: Nutricionista Fernanda S. Bortolon - CRN2 6210

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário